Skip to main content
HERO - Condensation is like raining indoors

4% DE ENTRADA DE UMIDADE REDUZ A EFICÁCIA DO ISOLAMENTO EM 70%

Um isolamento úmido não desempenha sua função da forma correta. Por isso, escolha o material de isolamento adequado para sua aplicação.

A condensação é semelhante a chuva, mas dentro do ambiente

Água condensada pingando do teto, além de desagradável, pode danificar superfícies e outros materiais. Quando ela acontece no sistema, o material usado no isolamento - principalmente de células abertas - pode encharcar. Como a água tem condutividade térmica muito maior do que a do isolamento, a absorção da umidade leva a um aumento da condutividade térmica do material e a uma redução no desempenho do isolamento. Em muitos casos, o dano ao isolamento não é visível, portanto, não corrigido antes de causar maiores prejuízos.

Condensation from ceiling

Evite a condensação mantendo a temperatura da superfície de isolamento tão alta quanto (ou mais alta que) a temperatura do ponto de orvalho.

O ar consiste em vários gases e vapor d´água. Dependendo do ambiente, o conteúdo do vapor d´água no ar pode variar. No entanto, a capacidade do ar de absorver umidade na forma de vapor d'água é limitada. A condensação ocorre quando o ar está 100% saturado com vapor d´água. O ponto de orvalho refere-se à temperatura na qual o vapor d'agua no ar se condensa em líquido. Na maioria dos países, a temperatura de um sistema de água gelada, refrigeração ou sistema de duto de ar frio é muito mais baixa do que a temperatura média do ponto de orvalho interno. Esses sistemas frios suam rapidamente e são altamente suscetíveis à formação de condensação em suas superfícies.

Teste de resistência ao vapor de água em diferentes materiais de isolamento

Um estudo foi conduzido pelo renomado Instituto Fraunhofer, a maior organização de pesquisa voltada para aplicações da Europa, afim de apresentar um melhor entendimento sobre o impacto da umidade em três materiais de isolamento, bem conhecidos: espuma elastomérica flexível (FEF), lã mineral com revestimento de filme de alumínio e poliuretano (PUR) com revestimento de PVC (Policloreto de Vinila).

O experimento

Três tubos de ensaio foram isolados e ajustados para operar a uma temperatura de 20°C, em câmara climática que garantia que a temperatura ambiente fosse 35°C e a umidade relativa de 55% fossem consistentes durante todo o período de teste, de 33 dias. Para maior realismo, dois pequenos orifícios de 5mm de diâmetro foram feitos a 5 mm de profundidade na superfície, em lados opostos do tubo, para simular danos ao sistema de isolamento, o que acontece com frequência. No final do teste, foi medida a quantidade de umidade que os materiais de isolamento absorveram ao longo de 33 dias.

Os resultados

Ao término dos 33 dias, o fator de resistência à difusão de vapor d´água (fator μ) foi semelhante para FEF em ambos os tubos, em cerca de 10.000. O valor μ da lã mineral com filme de alumínio foi 7.053 no tubo não danificado e 467 no tubo danificado. O valor µ de PUR revestido com PVC foi de 2.163 e 672, respectivamente.

 

Water resistance test conducted by the Fraunhofer institute

APÓS 10 ANOS, A UMIDADE EM FEF É 4X MENOR QUE NA FIBRA MINERAL OU NO PUR

Para investigar os efeitos potenciais de longo prazo da absorção de umidade, o Instituto Fraunhofer simulou como os materiais de isolamento poderiam se comportar em um período de dez anos. Várias propostas foram feitas para este cálculo: o tubo seria colocado a uma temperatura de 5°C em ambiente de 35°C e umidade relativa de 80%. Os resultados indicariam que o teor de umidade no FEF ainda estaria abaixo de 5%, enquanto o da lã mineral e do PUR aumentaria para quase 20% e 25%, respectivamente, após dez anos. Além disso, o valor λ do FEF aumentaria apenas 15%, enquanto o da lã mineral e do PUR aumentaria 77% e 150%, respectivamente.

Michaela Störkmann, Technical Manager EMEA (Europe, Middle East and Africa)

Este teste demonstrou que as espumas elastoméricas flexíveis de célula fechada, com sua barreira de vapor integrada, são mais tolerantes a pequenos defeitos em comparação com outros materiais de isolamento testados.

Barreiras externas de vapor d'água sofrem danos causados pelo tempo

Materiais de células abertas, como a lã de vidro, são comumente usados, mas suscetíveis à absorção de umidade, por isso, requerem um filme de alumínio ou PVC como barreira de vapor d´água. Porém, esse filme é facilmente danificado durante a instalação ou uso. Com isso, o vapor d´água pode penetrar pelas fissuras e se acumular no isolamento. Além disso, é difícil garantir uma espessura de isolamento adequada ou uniforme em todo o sistema, especialmente em torno de curvas e formas complexas, ou seja, a condensação pode ocorrer em áreas como suportes de tubos, cotovelos, peças em T, válvulas e acessórios. A umidade acumulada ao longo do tempo, não apenas reduz o desempenho térmico do sistema, como pode resultar em despesas extras relativas a reparos e degradação estrutural, causados por problemas como corrosão.

Discuss with Armacell how to create the ideal insulation system for your projects.

Vamos discutir como podemos alcançar um desempenho ALÉM DO MELHOR, juntos.

Entre em contato